segunda-feira, abril 20, 2015

MENSAGEM DE NATAL À EXPEDIÇÃO



O Natal está à porta....já falta pouco para a tão ansiada noite.

A época natalícia, é uma quadra magnifica.

Com a entrada do Inverno, chega o frio a neve e as tão apetecíveis ferias escolares, mas também é sinonimo de montar a árvore de Natal e o Presépio.

Na noite de consoada, temos a família reunida, com uma mesa recheada de doçaria típica, desta quadra, sem esquecer o habitual bacalhau regado com alegria e fraternidade.

Sentados à mesa, durante o jantar temos o pensamento nos presentes, que chegam com as badaladas da meia noite.

Tudo isto com o calor de afeto familiar, transmite uma sensação única que nenhuma outra festa o alcança.
O Natal é para Todos, mas nem todos o podem alcançar.

Para alguns um período de festejos e alegria, para outros um período de amargura.

LEMBREM-SE, que para muitas crianças terem que comer algo especial nessa noite é um privilégio e as badalas da meia noite uma miragem....não terem o brilho nos olhos, caraterístico de uma criança quando recebe presentes....

Pais que choram em silencio, por não terem capacidade para poder proporcionar aos seus filhos um Natal, digno e merecido...igual a tantas crianças.
Não terem a capacidade de transformarem o Natal com todo simbolismo inerente....baterem com a porta ao Pai Natal...porque não há capacidade econômica para presentes.

LEMBREM-SE, quantas crianças abandonadas e institucionalizadas, que nunca passaram o Natal em família...amargura de não receberem um carinho da mãe...sentir o calor de um abraço.

LEMBREM-SE dos idosos, que passam a noite de consoada como passam as demais noites do ano...sozinhos e com o coração frio e alma vazia.

Apenas acompanhados de memorias de Natais, passados em família, tempos idos de amor e afeto....sozinhos, o que lhes resta é...recordar o passado.

Idosos que em surdina, ambicionam a chegada do dia seguinte...como se a chegada do raiar do dia, apagasse o sofrimento de uma Noite de Natal, passada em solidão.

LEMBREM-SE, de muitos sem abrigo, que o único calor que têm é o pedaço de cartão e o cobertor, que têm para se deitarem....que o jantar á mesa numa noite de consoada foi há tanto tempo atrás...que mais parece um eternidade.

LEMBREM-SE daqueles que mesmo com família, pelas mais variadas razões vão passar sozinhos...

LEMBREM-SE dos entes queridos, que partiram e apesar de não estarem presentes, continuam nos nossos corações.
A vós Exploradores, peço-vos que no próximo ano, façam do Natal todos os dias no ano.

Que partilhem com quem precisa, quando virem diante de vos, uma mão estendida...vocês estendam as duas.. Pedir esmola não é um gesto de inferioridade, quando quem estende a mão o faz de boa vontade, com dignidade e respeito.

Vamos ouvir e reconfortar, aqueles que apenas querem desabafar...vamos confortar aqueles que precisam de companhia, mesmo que seja em silencio.

Vamos oferecer o nosso ombro amigo, para aqueles que apelam apoio...abraçar aqueles que precisam de consolo.

Tudo isto praticado, sem esperar qualquer recompensa ou reconhecimento, torna-nos nobres e engrandece-nos como seres humanos.

Por isso pensem nos desfavorecidos e antes de adormecerem, façam uma oração, para que o próximo ano seja mais recheado de Paz e Amor.

Podemos não conseguir mudar o Mundo...mas podemos deixa-lo um pouco melhor do que aquele que o encontramos.

A todos Vós desejo um Santo Natal e que os vossos desejos se tornem uma realidade.

Forte Canhota

Lobo Solitário.

AAAAUUUUUUUUUUUUUUUUU

DIREITOS RESERVADOS - PROIBIDA QUALQUER CÓPIA OU REPRODUÇÃO SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA




0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home